23 de dez de 2009

Bike - Garfo rígido e pneus

Garfo rígido ou suspensão?

Como parte da adaptação da bike para a viagem, considerei a troca da suspensão que tinha na minha bike (uma Rock Shox Dart 2, com 2,5kg) por um garfo rígido. Como falei em posts anteriores, vou rodar em 90% de asfalto bem conservado, então a suspensão se torna quase desnecessária. É assim que a maioria dos cicloturistas viaja pelo mundo. Outra vantagem é que o garfo rígido pesa bem menos, aliviando um pouco o peso da bike, que já ela vai estar bem "gorda" com a bagagem e tudo o mais.


Surly 1x1 Rigid Fork

Procurei em lojas e sites aqui no Brasil mas não encontrei o modelo que eu queria. Ou a espiga era curta demais ou não tinha a furação próxima do eixo para fixar o rack dianteiro. Fazer gambiarra nesse caso seria arriscado porque o rack fica o tempo todo sob tensão pelo peso do alforje e eu poderia ter problemas durante a viagem. A solução foi, novamente, recorrer às lojas online e importar. Consegui um garfo Surly 1x1 de cro-moly, próprio pra substituir minha suspensão de 100mm de forma que a geometria da bike não fosse muito alterada. Em relação ao peso, o Surly é bem mais leve: 1,1Kg, uma diferença de 1,4Kg pro Rock Shox.

Pneus

Na Gary Fisher, sempre rodei com os pneus originais que vieram nela, os Bontrager JonesXR 26x2.20. Até cheguei a comprar um par de slicks (sem cravos, quase todo liso) pra andar na cidade pois ia trabalhar com a bike. No fim, não achei muito prático ter que fazer a troca toda vez que fosse pegar trilhas ou participar de algumas competições.

Pra viagem, optei pelo slick novamente, dessa vez pra valer. A rolagem no asfalto é bem mais fácil (e silenciosa). Pesquisei vários modelos e vi que o mais recomendado para cicloturismo é o Schwalbe Marathon Plus. Ele tem uma camada interna de borracha SmartGuard, que torna o pneu virtualmente "infurável". Uma tachinha pode ser pregada nele sem furá-lo. Cheguei a ler relatos de gente que rodou 8.000Km com eles sem ter um único furo. O único problema é eles serem em torno de 200g mais pesado que a média dos pneus mas acho que vale pela resistência.


O SmartGuard (em azul) protege dos furos


Schwalbe Marathon Plus, semi-slick

Independentemente da resistência dos pneus, vou levar 2 câmaras extras. Nunca se sabe o que pode ter pelo caminho. Já furei o pneu no asfalto uma vez por passar em cima de um prego grosso de uns 8cm, que atravessou o pneu na diagonal. Com certeza nem um Schwalbe nem nenhum outro teria resistido. Não vou levar pneu extra pois a chance de estourar um pneu é muito menor do que eu achar uma bikeshop no caminho. Durante todo o meu trajeto, estarei sempre próximo de cidades e vilarejos e em alguns países da Europa dizem que toda cidadezinha que se preze tem, pelo menos, uma farmácia e uma loja de bikes... rsrsrs.

Em breve postarei umas fotos da minha bike com todas essas adaptações. Pretendo fazer um vídeo também, explicando o funcionamento dos alforjes da Ortlieb.

Obrigado pela visita e até mais!

3 comentários:

  1. amigo, onde vc comprou o garfo surly???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom,provavelmente vc nao vai ler a resposta,mas pra quem tiver a mesma duvida e passar por aqui,duas lojas a serem pesquisadas sao a jensonusa e a chainreactons,fora o proprio Ebay.
      Vale lembrar q qdo se troca uma suspensao por um garfo rigido deve-se notar a medida chamada Axle to crown,ou seja,eixo ate a coroa,do rolamento inferior ate o eixo da roda,pois os quadros novos sao projetados com angulo do head tube pra suspensoes.
      Este da foto tem 450 mm.

      Excluir
  2. Por gentileza onde compro, via net, o pneu marathon plus 700x35?

    ResponderExcluir